Sintonia Online

Roma – 22/02/08 – FALECIMENTO DO P. HELVÉCIO BARUFFI

Roma – 22/02/08 – FALECIMENTO DO P. HELVÉCIO BARUFFI

     Depois de um tempo de tratamento e de convalescença em nossa Inspetoria, quis de todas as formas, viajar para Roma. Queria terminar os seus trabalhos e apresentar seus relatórios ao Conselho Geral. Queria participar do CG26 e encaminhar seus relatórios como Conselheiro do Cone Sul.
     Assim, eu, P. Helvécio e P. Orestes partimos de Porto Alegre com destino a Roma. Fizemos escala em São Paulo em direção a Madrid. Tudo estava bem até a metade da viagem de São Paulo para Madri. P. Helvécio começou a reclamar de uma dor na mão direita e apresentava dificuldades para andar. E tudo foi ficando mais difícil. Eu e o P. Orestes tivemos que carregá-lo para tudo que precisasse. Como também para os serviços aeroportuários. Sempre tivemos a ajuda do pessoal dos terminais de aeroporto. Assim, chegamos a Roma numa situação muito difícil e delicada. Do aeroporto fomos levados para a Casa Geral. P. Helvécio foi sempre piorando. Foi levado imediatamente para a Clínica Pio XI. Foi atendido pelo corpo médico. Foi constatada uma embolia pulmonar com a formação de um coágulo enorme de sangue que se depositou no coração e que lhe causou a morte.
     Como podem perceber foi uma viagem muito difícil e ainda mais difícil, a perda deste nosso querido salesiano.
     Nossa Inspetoria cumpre neste ano seus cinqüenta anos de vida. E Deus, nos seus insondáveis caminhos, chamou para si o  P. Helvécio Baruffi, que foi um dos nossos Inspetores, nestes cinqüenta anos de existência. Imploremos a Deus Nosso Senhor, por este nosso querido Salesiano. Ele foi um valente seguidor missionário de Jesus Cristo. Um santo filho de Dom Bosco, nos seus diversos trabalhos de animação inspetorial: coordenador de estudos, diretor, mestre de noviços, pároco e Inspetor Salesiano. Depois a Congregação Salesiana, nos Capítulos 24 e 25 lhe confiou a tarefa de Conselheiro para o Cone Sul. Todos sabemos com quanta alegria e responsabilidade, mesmos nas dificuldades,  exerceu todas estas tarefas. Todos pudemos compartilhar do seu amor pela Igreja, por Dom Bosco, pela Congregação, pela Família Salesiana, pelos jovens, pelo povo de Deus.
     P. Helvécio foi limpidamente um homem de Deus, da Igreja e da Congregação. Sempre aberto aos tempos e ao mesmo tempo sempre compromissado com os valores evangélicos, eclesiais e salesianos. Defendia com destemor e clareza tudo aquilo que fazia parte de nossa Tradição salesiana.
     Peço a Deus que  ajude, a cada salesiano de nossa Inspetoria, a ser fiel aos seus compromissos salesianos, como foi o P. Helvécio. Imploro a Deus que envie a nossa Inspetoria santas vocações salesianas, para que nossa missão possa ser animada por pessoas alegres e felizes, por sua opção de vida. Que o P. Helvécio possa estar nos braços de Deus e junto da Virgem Auxiliadora, de Dom Bosco e de todos os que já vivem a glória celeste.
     Quero agradecer muito a todos os familiares do P. Helvécio, pelos cuidados que sempre tiveram com ele. Especialmente sua irmã Áurea que cuidou dele no hospital da PUC, na casa Inspetorial e também em sua casa em Piçarras, onde ele foi tirar uns dias de descanso no mar.
     Agradeço a toda a família por ter compartilhado conosco este querido salesiano. Somos todos irmãos na dor da perda deste ente querido, mas também todos irmãos na esperança de sua ressurreição.
     P. Helvécio vive agora definitivamente na companhia de seu Pai o Sr. Abraão e de sua Mãe Sra Maria Costa Baruffi.
     Que  o Deus QUE É AMOR,  olhe por cada um de nós e nos abençoe. Que a Virgem de Dom Bosco, a Auxiliadora dos Cristãos nos cubra com seu manto maternal.
     Rezemos por este nosso irmão na fé e na consagração religiosa salesiana.

Roma, 22 de fevereiro de 2008

P. José Valmor Cesar Teixeira
Inspetor Salesiano BPA

 

Galeria de Imagens
Comentários

8 comentários em “Roma – 22/02/08 – FALECIMENTO DO P. HELVÉCIO BARUFFI

Salete BalsanelliLazzaris (de Massaranduba) disse...

22/02/2008 às 0:00

Recordo com carinho as missas celebradas pelo Pe. Helvécio quando eu er ainda criança na localidade de I Braço do Norte, Capela Santo Antônio.
O carisma, a alegria de Viver do Pe. Helvécio ficou na minha memória.Fiquei muito triste com a morte, mas ele cumpiu muito bem seu papel aqui na terra.

Responder

Emilia Mendes (de Itajaí - SC) disse...

22/02/2008 às 0:00

Estamos todos muito tristes com esta perda e, ao mesmno tempo, agradecidos a Deus por ter nos dado a oportunidade de partilhar com Pe. Helvécio bons momentos de vivência a aprendizagem Salesiana. Que Deus o acolha com muito amor.
Saudades…
Emilia Mendes(Professora e Coordenadora Pedagógica do Colégio Salesiano Itajaí)

Responder

SC Luiz Marcos Schatzmann (de Porto Alegre/RS) disse...

22/02/2008 às 0:00

Estimados irmãos salesianos de caminhada.

Recebendo a notícia do falecimento do querido P. Helvécio se estabeleceu um sentimento de profunda tristeza para mim e minha esposa Elenara.
P. Helvécio foi meu diretor em tempo de seminário e até então, querido conselheiro. Com seu jeito simples e manso, soube mostrar-se “Salesiano”.
Em tantos momentos, não somente quando foi Inspetor, soube demonstrar fortemente seu carinho e incentivo à Associação dos Salesianos Cooperadores na inspetoria.
Fico com a lembrança de seu sorriso em nossa despedida quando entrava no carro, após a comemoração da Festa de Dom Bosco neste ano em Viamão.
Quero me unir aos irmãos e na certeza de que temos junto ao Pai da Vida um grande “Salesiano”.

SC Luiz Marcos Schatzmann
Conselheiro Mundial Região Brasil da ASC.

Responder

Renildo da Rosa Medeiros (de Taquari) disse...

24/02/2008 às 0:00

É com muita tristeza que recebo a notícia do falecimento deste grande servo de Deus.
Que seus ensinamentos sirvam de exemplo a todos nós.
Renildo Medeiros
Ex-Seminarista Salesiano

Responder

Valter de Araujo (de barbacena) disse...

24/02/2008 às 0:00

Fui colega do Helvécio em S. João Del Rei, de 64 a 67. Me impressionavam muito a sua simplicidade e o seu sorriso solto e puro. Fiquei triste pelo seu falecimento. Continuarei a conviver com ele, agora, só espiritualmente. Descanse em paz. À sua ilustre família os meus sentimentos.

Responder

domingos baruffi (de itajubá-MG) disse...

25/02/2008 às 0:00

Padre Helvécio na família Baruffi sempre foi um elo de bondade, de ternura, de conforto e de ânimo para todos. Deus, com certeza de nossa fé, o recompensará pela sua presença pedagógica na vida das famílias e na vida dos salesianos de Dom Bosco.

Responder

OSMAR PONCHIROLLI (de curitiba) disse...

25/02/2008 às 0:00

O Pe. Helvécio foi meu mestre no noviciado em 1985 na cidade de Curitiba. Quando recebi a notícia do falecimento fiquei muito triste. O Pe. Helvécio soube ver Deus nos jovens. O que eu sou devo muito a ele. Homem de Deus, homem de bem, um homem santo, um homem dos jovens… Descanse em Paz com Deus.
De Osmar Ponchirolli.

Responder

Jorge Baruffi e familia (de Itajai) disse...

26/02/2008 às 0:00

Nosso coração está em luto, com a partida do P. helvecio, pessoa especial, esteve sempre presente nos encontros familiares, dedicando-se de corpo e alma, você estará sempre conosco. Com saudades Jorge Baruffi e familia

Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>