Sintonia Online

Itajaí – Parque Dom Bosco – 14/07/10 – Mais de cem alunos recebem certificação em Itajaí

Itajaí – Parque Dom Bosco – 14/07/10 – Mais de cem alunos recebem certificação em Itajaí

     O Coordenador Pedagógico Waldyr da Rocha Santos Junior, abriu o evento e lembrou aos alunos que a caminhada ainda não terminou. "Um certificado de um curso profissionalizante os capacita dentro da área que cada um escolheu. Mas eu acredito que o progresso será ainda maior no decorrer da vida profissional". Waldyr agradeceu o grupo por deixar outros afazeres para progredir e buscar aumentar um pouco o conhecimento de cada um. "Se o Parque Dom Bosco existe é por causa de vocês, é pelos nossos parceiros e é porque há resultado, e, a prova desse resultado é a formatura de vocês", concluiu o coordenador.
     Foram 27 alunos entre os cursos de Panificação e Manutenção de Microcomputadores patrocinados pela Petrobrás através do Projeto Amor Aprender a Mudar Organizando e Reinventando com apoio do Rotary Clube Itajaí Porta do Vale. O representante dos rotarianos, Maurício José Gom, que esteve na aula inaugural dos programas lembrou-se da data. "Hoje revejo alguns rostos e quero parabenizar os que seguiram até o final. Quero deixar a vocês o dito que o anjo disse a Gideão debaixo de uma árvore: ‘Gideão vá nessa força que livrarás Israel dos medianias’, o que quero dizer com isso? Eu quero dizer que vocês foram exemplo dentro de vossas casas, que saíram para vos capacitarem para o mercado de trabalho e parabenizá-los pela bandeira que fincaram", enfatizou.
     Já nos cursos de Artes Manuais e Aplicadas, Elétrica Residencial e Industrial, Costura e Automação Industrial foram mais 74 formandos que também receberam certificado. Todos os cursos são desenvolvidos em parceria com o Colégio Salesiano, Município de Itajaí/Secretaria Municipal de Educação e empresa Seara Alimentos que foi representada pela Analista de Recursos Humanos, Milene Pereira Stein. Ela deixou aos formandos os versos de Augusto Cury, que diz: "Os nossos maiores problemas não estão nos obstáculos do caminho, mas na escolha da direção errada". Milene concluiu parabenizando os alunos por terem feito a escolha certa.
     Durante o semestre todas as atividades foram oferecidas gratuitamente aos mais de cem educandos com a intenção de qualificar a comunidade local e oportunizar fontes de renda alternativa para as famílias, além de encaminhar para o mercado de trabalho. Os programas atuam com jovens com idade entre 15 e 18 anos no período diurno e adultos acima de 18 anos, no período noturno.

     P. Sandro Poffo, diretor do Parque deixou claro aos alunos que mesmo eles indo embora já fazem parte da história da instituição. "O Parque não é privado. O Parque não é público. O Parque é comunitário. É nosso. Casa que acolhe, pátio e ambiente para educar e formar. Escola que profissionaliza. Também oferecemos uma proposta religiosa, um sinal do sagrado". O diretor também aproveitou o momento para agradecer os patrocinadores, benfeitores, parceiros e educadores. "Vocês são para nós o coração, o oxigênio e o sangue. Muito obrigado pelas palavras que vocês proferiram com tanta propriedade, comprometimento e engajamento. Aos professores, também, que fazem que todo o espetáculo através dos bastidores o meu muito obrigado".

Galeria de Imagens
Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>