RSE

Porto Alegre – Colégio Dom Bosco – 23/07/2015 – Vice-Diretor abre 13º Congresso do Ensino Privado Gaúcho

Porto Alegre – Colégio Dom Bosco – 23/07/2015 – Vice-Diretor abre 13º Congresso do Ensino Privado Gaúcho

Importantes temas da educação em debate durante três dias no Centro de Eventos da PUC, em Porto Alegre (RS). É o 13º Congresso do Ensino Privado Gaúcho, que traz até sexta-feira profissionais da área da  comunicação, medicina, psicologia, tecnologia e  administração, entre outros,  para debater o tema “Paradoxos na Educação”. Na noite da abertura, nesta quarta-feira, dia 22/07, o  palco inovador, em forma de arena, oportunizou a  interação entre os participantes e os conferencistas. O evento, que contou com a presença do governador em exercício do Rio Grande do Sul, José Paulo Cairoli, foi aberto com a apresentação artística de alunos do Colégio Sinodal, de São Leopoldo. Ao som de uma banda, os estudantes cantaram e dançaram, encantando o público. Na sequência, o presidente do Sinepe/RS, Bruno Eizerick, contou que quando foi projetado o Congresso, pensou-se sempre  na necessidade de inovar, de quebrar paradoxos. E foi isso que se viu quando entrou no palco um simpático robô que  conversou com a plateia, dando ideia do tema que vai pautar grande parte dos debates: tecnologia, educação, emoção e inovação. Oswaldo Dalpiaz, Coordenador do Congresso e vice-diretor do Colégio Dom Bosco, saudou os professores presentes e ressaltou o significado do encontro: oportunizar a reflexão sobre os entraves encontrados hoje na prática dos processos pedagógicos. O primeiro dia foi encerrado com a participação de pedagoga Fernanda Sobreira. Especialista em Gestão de Pessoas, com formação em metodologia facilitadora e consultoria de relações interpessoais apresentou o tema “Educar hoje: novas posturas diante dos paradoxos do mundo moderno”. Fernanda, que faz parte do Conselho Superior da Associação Mineira de Ação Educacional, fez uma volta no tempo com o público presente, relembrando fatos e objetos comuns nas escolas no passado, trazendo a reflexão sobre a velocidade das mudanças no mundo moderno. A importância do diálogo com a família na escola e a necessidade de capacitação constante para adaptar-se ao novo, foi uma das mensagens deixadas pela psicopedagoga, que frisou ainda a busca da criatividade, sem esquecer da simplicidade e da emoção. 

 

Galeria de Imagens
Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>