Institucional

História da Inspetoria

O anúncio da criação da nova Visitadoria “SÃO PIO X” foi feito durante o 18º Capítulo Geral, na “Boa-noite” do dia 9 de agosto de 1958. No dia 29 de setembro de 1958, o P. Alfredo Bortolini, diretor do Colégio São Paulo de Ascurra é nomeado superior da nova Visitadoria e no dia 23 de [...]

Inspetores do Brasil

• P Francisco Alves de Lima – Inspetor da Inspetoria São Domingos Sávio (Manaus) Rua Visconde de Porto Alegre, 850 – Centro Caixa Postal 427 – (CEP 69011-970) 69020-130 – Manaus – AM Fone:(92)2101-3400 e 3232-9691(Fax) inspetor@isma.org.br www.isma.org.br • P Edson Donizetti Castilho – Inspetor da Inspetoria N. S. Auxiliadora (São Paulo) Largo Coração de [...]

Sociedade São Francisco

Reitor Mor P. Ángel Fernández Artime O P. Ángel Fernández Artime foi eleito pelo Capítulo Geral 27º, no dia 25 de março de 2014. É o décimo sucessor de Dom Bosco. “O Reitor-Mor, superior da Sociedade Salesiana, é o sucessor de Dom Bosco, pai e centro de unidade da Família Salesiana. É sua principal solicitude promover, [...]

Comissões

COMISSÃO INSPETORIAL DE FORMAÇÃO (CIF) P. Cássio Rodrigo de Oliveira (Noviciado) S. Diego da Silva (Formação Inicial) P. Dirceu Fernando Belotto (Aspirantado) Ir. Eligio Calligaris (Salesianos Irmãos) P. Gilson Marcos da Silva – Coord. P. Giovane de Souza (Pré-Noviciado) P. Jeferson Junio Moreira (AV) P. Magnus Antonio Petry (Paróquias) P. Tarcizio Paulo Odelli (Voluntariado Vocacional) [...]

Equipes

EQUIPE INSPETORIAL DE PASTORAL (EIP) P. Ademir Ricardo Cwendrych: AJS P. Antônio Braz de Oliveira: RSB-Social P. Arcangelo Deretti: Ecônomo Inspetorial, EGO P. Asídio Deretti: Inspetor Salesiano P. Dirceu Fernando Belotto: RSB-Escolas P. Gilson Marcos da Silva: Vice-Inspetor, PJS, Formação, CVDR – Coord. P. Isidoro Paula da Silva: Família Salesiana P. Jeferson Junio Moreira: Animação [...]

Missão

Os primeiros e principais destinatários da nossa missão são os jovens, especialmente os mais pobres, os jovens trabalhadores e aqueles que se encaminham para o trabalho, e as vocações apostólicas; em vista destes destinatários privilegiados trabalhamos também nos ambientes populares, com atenção aos leigos evangelizadores, à família, à comunicação social, e entre os povos ainda [...]

Dom Bosco I – Um sonho profético – Maio de 1825

A história de Dom Bosco começa menos de dois meses após a batalha de Waterloo, em Castelnuovo d’Asti, hoje Castelnuovo Don Bosco, um povoado perto de Turim, ao norte de uma Itália redesenhada de acordo com os caprichos dos vencedores de Napoleão. João Melchior Bosco nasceu no dia 16 de agosto de 1815, na casa [...]

Governo Inspetorial

Inspetor P ASÍDIO DERETTI Vice-Inspetor P Gilson Marcos da Silva Ecônomo P Arcangelo Deretti Conselheiros Inspetoriais P Ademir Ricardo Cwendrych P Dirceu Fernando Belotto P Juarez Testoni Secretário Inspetorial P Angelo Dante Biz Delegados Inspetoriais Escolas: P Dirceu Fernando Belotto Obras Sociais: P Antonio Braz de Oliveira Paróquias: P Edvaldo Nogueira da Silva Pastoral Juvenil [...]

Fotos da Casa dos Becchi

As fotografias são de autoria do P. Tarcizio Paulo Odelli e foram tiradas em 2004.

A VIDA DE DOM BOSCO II – O amigo dos jovens

No dia 3 de novembro de 1835, João entrava no Seminário de Chieri. Tem início o biênio de estudos de filosofia. Ao entrar no seminário, leu a sentença que estava numa das paredes: “Para os tristes as hora passam lentamente; para os alegres, depressa”. Disse ao colega Gangliano: “eis ai nosso programa: vamos estar sempre [...]

A VIDA DE DOM BOSCO III – Com a cara e a coragem

Dom Bosco inicia a procura do local indicado em sonho. Por enquanto, vai reunindo seus meninos ao ar livre. Fala com Miguel Rua, o jovem que seria seu braço direito e sucessor, propondo a ele urna sociedade: metade cada um, o que o rapaz não consegue entender.   No dia 25 de maio de 1845, [...]

A VIDA DE DOM BOSCO IV – Apóstolo dos tempos modernos

Apesar de toda sua bondade e seu jeito simples, D. Bosco tinha inimigos. Certa vez, enquanto dava catecismo, um indivíduo tentou tirar-lhe a vida: “uma bala de arcabuz entrou por uma janela e varou-me a batina entre o braço e as costelas, indo fincar-se na parede”, escreveu Dom Bosco. Diante dos meninos, que ficaram apavorados, [...]